Após suspender compra de capas de chuva, Agnelo troca comando da PM

PM havia incluído compra de 17 mil capas, por R$ 5,3 mi, para Copa de 2014.
Em nota, GDF diz que governador considerou compra um ‘ato desmedido’.
O comandante da Polícia Militar do Distrito Federal, coronel Suamy Santana, foi afastado do cargo nesta quarta-feira (1º) pelo governador Agnelo Queiroz, um dia depois de a corporação anunciar a compra de até 17 mil capas de chuva por R$ 5,3 milhões, para uso durante as copas das Confederações e do Mundo.
Em nota, o GDF diz que “o governador Agnelo Queiroz decidiu trocar o comando da Polícia Militar do Distrito Federal por considerar um ato desmedido a inclusão da compra de 17 mil capas de chuva na licitação de aquisição de equipamentos policiais para as copas das Confederações e do Mundo.”
O anúncio da compra do material causou embaraço ao governo porque na época da realização dos eventos – junho e julho – os níveis históricos de chuva em Brasília são baixos. Também, o custo com as capas equivale a cinco vezes o previsto para a compra de armamento e ao dobro com a montagem de delegacias móveis, por exemplo.
O investimento com as capas estava previsto entre os projetos da Secretaria de Segurança do DF para a Copa do Mundo de 2014, que somam ao todo R$ 60 milhões. O preço final de cada capa dependeria do resultado do pregão eletrônico. Segundo o GDF, os R$ 5,3 milhões previstos para aquisição deveria ser suficiente para a compra de até 17 mil unidades – e não 20 mil, como havia anunciado a PM nesta terça-feira.
A assessoria do governador havia informado nesta quarta que a compra das capas de chuva não era prioritária para o evento e que, apesar de ser uma necessidade da PM, deveria ter sido colocada em outra licitação.
Suamy Santana estava no cargo havia pouco mais de um ano – ele tomou posse em 13 de abril do ano passado. O substituto de Santana será o coronel Joziel de Melo Freire, qe ocupava a secretaria-adjunta de Segurança Pública.
Veja abaixo a íntegra da nota do GDF
“Nota à imprensa
Brasília (1/05/13) – O governador Agnelo Queiroz decidiu trocar o comando da Polícia Militar do Distrito Federal por considerar um ato desmedido a inclusão da compra de 17 mil capas de chuva na licitação de aquisição de equipamentos policiais para as copas das Confederações e do Mundo.
O governador agradece ao coronel Suamy Santana pelos serviços prestados desde a assunção do comando, que devolveram a hierarquia e a disciplina necessárias ao bom funcionamento das forças policiais.
Por indicação do secretário de Segurança Pública, assume o comando da PMDF o coronel Joziel de Melo Freire, atual secretário-adjunto da Secretaria de Segurança Pública.”
Do G1 DF

Comente esta matéria

Comente esta matéria

Deixe seu comentário