Brasil sem esperança

Artigo: Perdemos a esperança? – PMB Partido Militar Brasileiro:

Nesta semana, vimos que os petistas condenados pelo mensalão fizeram campanha com a finalidade de arrecadar fundos para pagar a multa imposta pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral). José Dirceu precisava pagar R$ 60 mil e arrecadou R$ 100 mil em dois dias de campanha. José Genuíno foi além, dos R$ 400 mil necessários, conseguiu obter R$ 667.500,00 com doações. Já o tesoureiro do partido, Delúbio Soares, devia pouco mais de R$ 500 mil, mas conseguiu uma grande façanha. Em apenas uma semana, embolsou mais de R$ 1 milhão por meio de contribuições no seu “site solidário”.
O que esperar de um país que apoia esse tipo de Governo, onde impera a injustiça e a corrupção? Dar apoio financeiro aos condenados que estão desviando o dinheiro do povo em benefício próprio é um “tapa na cara” da sociedade de bem que espera apenas que a Justiça seja feita.
Enquanto isso, o PMB, partido que surge com a bandeira da mudança, propondo alterações profundas na Constituição Federal, Código Penal, Código de Processo Penal, Leis de Execuções Penais, Estatuto da Criança e Adolescente, com o objetivo de propor uma grande revolução na política nacional continua lutando com dificuldades para formalizar a sua criação.
Em um ano de arrecadação, o partido recebeu através do seu site oficial apenas R$ 2.850,00, o que mal paga os serviços de hospedagem da página.
Realmente há algo de errado nesse Brasil, mas o que fazer…
Perder a esperança? A escolha é sua!
Já dizia Rui Barbosa: “De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.



PolicialBR – Leia mais: http://www.policialbr.com/brasil-sem-esperanca/#ixzz2sGVtNhDv

Comente esta matéria

Comente esta matéria

Deixe seu comentário