Comandante-geral da PM do Rio deixa o cargo

Comandante-geral da PM do Rio deixa o cargo

Por Pedro da Rocha | Agência Estado – 9 horas atrás

O comandante-geral da Polícia Militar (PM), coronel Mário Sérgio Duarte, pediu exoneração do cargo ontem, requisição aceita pelo secretário de Segurança do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame. Segundo nota da Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro (SSPRJ), “o nome do novo comandante-geral da PM será divulgado o mais breve possível”.

Em carta enviada a Beltrame, Duarte diz que deixa a função para “não deixar nenhum espaço para dúvidas quanto a minha responsabilidade no processo de escolha dos Comandantes, Chefes e Diretores da Corporação”. Ele explica que se refere ao “indiciamento do tenente-coronel Cláudio Luiz Silva de Oliveira no homicídio da Juíza Patrícia Acioli, e sua consequente prisão temporária”.
A nota da SSPRJ informa que “O ex-comandante Mário Sérgio reconheceu o equívoco e ciente do desgaste institucional decorrente de sua escolha, pediu, voluntariamente e em caráter irrevogável, para deixar o comando da PM”. Duarte está de licença médica em decorrência de uma cirurgia.

Comente esta matéria

Comente esta matéria

Deixe seu comentário