O Giro da Madrugada

Cerca de 25 dias atrás, o competentíssimo apresentador de TV Sikêra Júnior, que comanda o inusitado e bem bolado “Giro da Madrugada”, programa policial que é exibido na TV ALAGOAS em horário um tanto quanto “diferente”, fez um “exitoso” e “profícuo” convite a Sua Santidade o Secretário de (In)segurança e Despreparo Social, Dário, o César. Tomamos a liberdade de reproduzir:
– Já que a segurança vai bem, convido o Secretário Dário [o] César para sairmos sem segurança, nos dois, de madrugada, para tomarmos um guaraná na periferia da cidade. Pode ser na favela do Galpão, na Grota do Cigano, na Favela do Jaraguá, No Carminha ou na Grota da Alegria. A condição é que vamos somente nós dois. Eu levo uma câmera e a gente bate um papo sobre segurança… Aguardo a resposta do Sr. Secretário nos próximos 30 dias.
Hoje faltam 3 dias no prazo apresentado pelo repórter para resposta do secretário. E como sempre, nem uma linha foi escrita e nem um telefonema foi dado pelo arrogante secretário. Nem um “Valeu Aluísio” (clique aqui) sobre o assunto sua santidade dignou-se a dar.
Acredito que Dário, o César, na hora em que o programa está sendo exibido – das 3 da manhã, em diante – deva estar dormindo o “sono dos justos” (clique aqui), enquanto as injustiças sociais, o crime, a homicídios transformados em CVLI (clique aqui) banalizando a vida do Alagoano “comem no centro” – do agreste ao sertão –, mas Dadá pode dormir sossegado: afinal, ele é “um gestor e não um chefe de polícia” (sic).
Engrossamos o coro, Dário e esperamos que dê uma satisfação à sociedade e vá tomar o guaraná com o repórter – sem seguranças e nem assessores ávidos em “puxa-saquices” – para que possamos no longo deste quase um ano de trabalhos neste blog (que seus assessores foram completamente incompetentes em descobrir a autoria) e prestes a completar 600 mil acessos, colocar uma notícia ao menos satisfatória e digna ao seu respeito.
Trate de apressar-se: Faltam apenas mais 3 dias...

Comente esta matéria

Comente esta matéria

Deixe seu comentário