Sargento da Pm do RN mata cachorro a tiros e causa revolta na cidade de Nísia Floresta

Nísia, o animal foi morto por um colega de farda que também é Sgt destacado na cidade de Parnamirim, de nome Francisco Varela.
A morte de um cachorro causado por um disparo de arma de fogo na cidade de Nísia Floresta, tem repercutido muito nas ruas e calçadas do município.
Segundo informações repassadas ao Digital Mipibu pelo Sgt Oliveira, da Polícia Militar da cidade de 
Sgt Oliveira / Foto: Cláudio Dantas / Digital Mipibu

A morte deste pobre animal na tarde da última quarta-feira(04), tem causado um certo desconforto ao nosso destacamento daqui de Nísia, já que o ato do nosso colega de farda, foi presenciado por muito populares, e que alguns deles pensam que foi alguns dos PMs daqui da cidade, que na verdade ele é destacado na cidade de Parnamirim” disse o Sgt Oliveira.

Venho aqui em nome do nosso destacamento, informar a população de Nísia Floresta que não temos em jogo o nome de nenhum dos nossos PMs. Ficando aqui também minha indignação pelo ato cometido pelo nosso colega de farda contra o tal animal” Finaliza o Sgt Oliveira. 

Ainda segundo da polícia militar da cidade de Nísia Floresta, informou que, o anima foi morto no centro comercial da cidade. O Digital Mipibu foi até o local pra colher informações sobre o caso. Os donos de um dos comércios onde o animal foi morto em frente, o Sr Agnaldo e seu genro Tony, Disso ao Digital que o tal cachorro apenas latiu como todo cachorro faz.

“TONY; O pobre animal vivia aqui sempre, um animal dócil, cuidávamos dele com carinho. Não sei o problema que o policial estava enfrentando, até porque pelo que conheço o mesmo é uma pessoa tranquila, não bebe, então não sei o que levou ele fazer tal coisa com o pobre cachorro.” Disse TONY.

Agnal o dono do comércio disse ao Digital Mipibu que pediu pra que o mesmo não atirasse no bicho. “Gritei pra ele; não faça isso pelo amor de Deus!!! nem assim ele me ouviu e atirou no cachorro que a bala atravessou, b .” Disse o Sr Agnaldo.
  
Uma segunda testemunha falou ao Digital Mipibu que o SGt Francisco Varela agiu em legítima defesa já que o animal teria avançado no intuito de morde-lo foi quando o mesmo teria sacado sua arma e disparado matando o cachorro.

Procuramos o Sgt Francisco Varela, mas não conseguimos contacto com o mesmo, para sabermos se ele foi realmente atacado pelo bicho, onde o mesmo teria atirado no impulso de se defender.
Blog Digital Mipibu

Comente esta matéria

Comente esta matéria

Deixe seu comentário