Soldado do Exército é detido por desacato durante briga generalizada

Confusão iniciou dentro de uma danceteria e fechou com 4 presos.
Soldado tentou interferir no atendimento da ocorrência, segundo a PM.
Um soldado do Exército, segundo a Polícia Civil, foi detido após tentar interferir em uma briga, que começou dentro do El Divino, danceteria que fica no centro de Florianópolis, e continuou no lado de fora. O caso aconteceu na madrugada desta quinta-feira (4). Outras três pessoas foram detidas por terem se envolvido em uma briga, que resultou em dois feridos e um carro deprededo. O local foi fechado às 3h pela PM, para conter as brigas generalizadas que ocorriam dentro e fira do estabelecimento.
De acordo com a Polícia Militar, o soldado do Exército desacatou os policiais que atendiam à ocorrência. O comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Araújo Gomes, explicou que depois de receber a ordem de se retirar, o rapaz passou a ofender os policiais e proferir xingamentos. Ele foi encaminhado para a Delegacia e depois entregue ao oficial de dia da autoridade militar.
No local, outras três pessoas foram detidas por se envolveram em uma briga na boate. O tenente-coronel Araújo Gomes comentou que ocorreu um tumulto generalizado dentro da danceteria, por volta das 2h30 desta quinta-feira (4), durante um baile funk. Algumas pessoas foram expulsas pelos seguranças, mas continuaram os confrontos do lado de fora. Por causa desta situação, a PM exigiu o fechamento do estabelecimento, às 3h, mas as pessoas só esvaziaram completamente o local por volta das 5h.
De acordo com assessora de imprensa e gerente de comunicação do El Divino, Giuliana Korzenowski, não houve um pedido para o fechamento da casa, que funcionou até o horário normal, às 5h. Segundo ela, a briga começou entre duas pessoas no camarote. “Os seguranças, em um procedimento normal, colocaram os dois para fora na boate. Na rua, já havia dois carros da polícia e policiais, que pediram reforço e, como ninguém vai à festa sozinho, os amigos dos dois se envolveram na briga”, explicou ela. Além disso, conforme a assessora, a festa não era um baile funk. “Na quarta-feira a casa tem uma festa que traz música eletrônica e também outros ritmos, inclusive funk. Na quinta-feira também ocorre isso, atendendo a uma tendência mundial, que são festas com diferentes tipos de música. Nesta quinta (4), a casa reabre normalmente, às 19h”, afirmou.    
Em uma das brigas, um carro foi depredado. O caso aconteceu depois que um jovem se envolver em um confronto na parte interna da danceteria e ser expulso pelos seguranças. Do lado de fora, amigos do outro jovem que brigou com ele o receberam a pancadas. Ele foi agredido com uma barra de ferro e espancado. Em seguida, os agressores viram o carro do amigo da vítima e passaram a danificar o automóvel, com uma barra de ferro. Três pessoas foram detidas e encaminhadas para a Central de Polícia.
Do G1 SC

Comente esta matéria

Comente esta matéria

Deixe seu comentário