Traficante preso é encontrado morto em cela do Complexo de Gericinó

O traficante Pedro Vinicius Manhães Zeferino, o Vini, de 22 anos, foi encontrado morto dentro de sua cela, na madrugada da última quinta-feira, na Cadeia Pública Pedro Melo da Silva, no Complexo de Gericinó, Zona Oeste do Rio. Acusado de ser gerente do tráfico de drogas no Morro da Alma, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio, o rapaz tinha sido preso por policiais militares no dia 16 do mês passado.
A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) informou que os presos que dividiam cela com Vini tiveram as visitas suspensas por um mês. O caso está sendo investigado pela 34ª DP (Bangu). A Seap também abriu uma sindicância para apurar a morte.
Na Cadeia Pública Pedro Melo da Silva estão detentos do Terceiro Comando Puro (TCP), facção da qual Vini fazia parte, e também outros que não pertencem a nenhuma quadrilha. O traficante já tinha sido preso outras duas vezes. Em agosto deste ano, ele foi capturado pela terceira vez.
Ainda de acordo com a Seap, em 2017, foram registradas 178 mortes no sistema, sendo 172 naturais, quatro violentas e dois suicídios.
Fonte: Extra

Comente esta matéria

Comente esta matéria

Deixe seu comentário